Gavião-pega-macaco



Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem:
Falconiformes
Família: Accipitridae
Género: Spizaetus
Espécie: S. tyrannus
Nome científico:
Spizaetus tyrannus



Descrição
O Gavião-pega-macaco (
Spizaetus tyrannus) é um gavião da família dos acipitrídeos, que ocorre do México à República da Argentina e em todo o Brasil. A espécie possui cerca de 72 cm de comprimento, 2,30 de envergadura e chega a pesar até 6,5 quilos. É uma das maiores aves a ocorrer no Brasil.

De plumagem negra, penacho curto, abdome e calções levemente salpicados de branco, cauda longa com três ou quatro largas faixas esbranquiçadas. A cor negra com manchas brancas torna-o uma ave de rara beleza. Seu tempo de vida é de aproximadamente 25 anos.
Também é conhecido pelos nomes de apacanim, cutiú-preto, gavião-de-penacho, papa-macaco, pega-macaco, papa-mico, uiruucotim, urubutinga e urutaurana.

Quando imaturo possui a cabeça esbranquiçada e tem as partes inferiores estriadas.
As fêmeas são maiores que os machos, e costumam capturar animais maiores que estes. Assim, eles não competem por comida quando vive em territórios próximos, o que permite uma maior proximidade na época de reprodução.

Alimentação

Este gavião é uma poderosa ave de rapina que possui habilidade para caçar presas tanto no solo quanto em copas de árvores, a alimentação é constituída principalmente de mamíferos ( marsupiais, pequenos primatas, esquilos e morcegos), aves ( tucanos, araçaris e aracuãs entre outras) e répteis.
Caça mais mamíferos que aves e afirma-se que habitualmente como primatas, principalmente os sagüis alimento fundamental de sua dieta, com isso ganhou o apelido de pega-macaco.

Pelo fato de também poder atacar pequenas criações domésticas, como pintinhos e galinhas, é perseguido pelos fazendeiros.


Reprodução

Reproduz de agosto a dezembro, os ninhos são construídos nos altos das árvores. A fêmea põe, em média, 2 ovos, que são chocados por cerca de 40 dias. Os filhotes deixam o ninho entre 80 e 90 dias. Da mesma forma que, quando adultos, eles se alimentam de macacos, na mais tenra idade são os primatas que costumam comê-los.


Habitat e Distribuição Geográfica

Habita
clareiras e bordas de florestas primárias e secundárias, sendo tolerante a pequenas perturbações e desflorestamentos provocados no ambiente. Vive solitariamente ou em pares, sendo comum observar indivíduos realizando vôos altos e circulares durante o período da manhã e início da tarde. Vive dentro ou na borda de grandes florestas, necessita de áreas extensas para cumprir seu ciclo de vida, sendo que suas populações podem sofrer declínio em decorrência da fragmentação excessiva do seu habitat.

O gavião-pega-macaco é uma rapinante adaptada para caçar em regiões de mata fechada, onde é necessária uma enorme agilidade para se voar entre as árvores e pegar presas ágeis entre os galhos.


É encontrado do Sul do México à América do Sul. No Brasil, ocorre no litoral da Bahia, e do Leste de Minas Gerais até o Rio Grande do Sul.

2 comentários:

Leo Souza disse...

Ual, Mika, obrigado pelas dicas. Você me ajudou bastante.

Muitíssimo obrigado pela atenção.

Seu banner já foi adicionado na página parceiros. E o seu blog está na lista dos meus favoritos.

Abraços!

Leo Souza disse...

Sabe, eu usei o Office Microsoft Maneger antes de você ter me dado a dica, mas ele sempre deixa com outro tamanho u.u

Não tenho sorte...

Abraços